quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Madeira é demasiado caro


Auxerre intransigente. O defesa agrada a Casquilha, mas o emblema francês exige mais de 200 mil euros pelo passe.

O luso-francês Stéphane Madeira, de 22 anos, acredita que durante o mês de janeiro vai ser encontrada uma solução que lhe permita prosseguir a carreira em Portugal.Após uma dezena de anos ao serviço dos franceses do Auxerre, clube com o qual terminou a ligação em junho, o defesa central apresentou-se em Moreira de Cónegos e entre os dias 10 e 13 de outubro cumpriu um período à experiência - juntamente com Doucouré e Chekad, que entretanto regressaram a França - e passou no exame. Mas o interesse no negócio assentava numa perspetiva de futuro: contratá-lo e emprestá-lo é a intenção, mas esta esbarra na determinação do Auxerre, que não abdica da compensação pela formação, num montante entre 200 e 250 mil euros. Um valor demasiado elevado para um clube como o Moreirense.

Determinado a prosseguir a carreira em Portugal, o jogador manteve-se a treinar sob as ordens de Jorge Casquilha (exceção feita ao período em que esteve a recuperar de uma entorse) e espera que o impasse seja superado rapidamente, o que poderá suceder já no início do ano, através da inscrição num clube da II Divisão, isento do pagamento da taxa de solidariedade. Stéphane Madeira vai passar o Natal no Porto. 

IN http://www.ojogo.pt/Futebol/1a_liga/Moreirense/interior.aspx?content_id=2963178