quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Augusto Inácio assume comando técnico

Augusto Inácio é o novo treinador do Moreirense FC, competindo-lhe a partir de agora a missão de resgatar a equipa da última posição da tabela classificativa, de forma a conduzir o clube à ambicionada permanência. Augusto Inácio assume já amanhã - até ao final da época - a liderança técnica do plantel profissional do Moreirense FC, que comandará na deslocação à Madeira, em jogo da 17ª jornada, frente ao Nacional. A apresentação ocorrerá após a sessão de treino desta desta quinta-feira, agendada para as 15.30 horas .
Esta nova etapa, no Moreirense, marca o regresso de Augusto Inácio ao futebol português, depois da recente passagem pelo Vaslui, da Roménia. Com praticamente 25 anos de carreira - em que orientou 17 equipas, em seis países diferentes, tendo conquistado entre outros o título de campeão nacional ao serviço do Sporting CP, em 1999/2000 - Augusto Inácio é a resposta para atacar a crise de resultados que afecta o Moreirense FC.
Aos 58 anos (comemorados esta sexta-feira), Augusto Inácio - que encerrou a carreira de futebolista em 1989/90 - assume um novo desafio na Liga principal, contando com uma experiência acumulada desde que se estreou como técnico dos juniores do FC Porto, de onde saiu para o Rio Ave antes de regressar às Antas para, aí, ser adjunto de Carlos Alberto Silva. Seguiram-se Tomislav Ivic e Bobby Robson (que substituiu no banco como técnico principal durante a cirurgia do inglês), assumindo em 1996/97 o comando do Felgueiras, a que se sucederam Marítimo, Chaves, Sporting, Vitória SC, Belenenses, Al Ahli (Catar), Beira-Mar, Ionikos (Grécia), Foolad FC (Irão), Interclube (Angola), Naval, Leixões e Vaslui (Roménia).