domingo, 6 de janeiro de 2013

Ghilas em boa forma para Braga analisar


Apontou quatro golos nos últimos três jogos, é um dos mais valorosos do plantel treinado por Jorge Casquilha e os arsenalistas estão de olho nele.



Numa equipa classificada no último lugar e apenas com uma vitória no percurso até ao momento, há, ainda assim, espaço para jogadores como Ghilas se destacarem dos demais, sendo uma das principais referências do ataque do Moreirense. O artilheiro dos cónegos, com sete golos em 12 jogos, será uma das principais setas apontadas à baliza do Braga, um dos clubes que o incluíram na lista de potenciais reforços a contratar durante a reabertura da janela de transferências. Possante e irrepreensível nos lances aéreos, é um elemento difícil de marcar, com a capacidade de se galvanizar em jogos frente a grandes adversários. Exemplo disso foi o golo apontado ao Benfica no último encontro do Moreirense, a contar para a Taça da Liga, que garantiu o empate a uma bola, além de também já ter marcado ao Sporting, na décima jornada da I Liga, em jogo que também redundou numa igualdade (2-2).
Embora o avançado tenha mais quatro anos de contrato com o Moreirense e o presidente Vítor Magalhães não esteja recetivo à sua saída durante este mês, na verdade, além dos arsenalistas, também há sondagens pelo jogador provenientes de Alemanha (Friburgo e Colónia), Holanda (Twente e Utrecht) e França (Lille, Marselha e Saint-Étienne). Segundo foi possível apurar, uma proposta de 700 mil euros foi entregue à Direção do clube de Moreira de Cónegos, mas os valores foram considerados demasiados baixos para um atleta de 22 anos e com mais quatro de contrato.

Ojogo