domingo, 10 de fevereiro de 2013

Inácio: «Em cada jogo vai ser uma luta titânica»

Augusto Inácio


Augusto Inácio, treinador do Moreirense, após a vitória em casa frente ao Beira Mar, a segunda seguida desde que, há dez dias, assumiu o comando da equipa

«A vitória foi justa, mas podíamos ter tido mais dificuldades se o Beira Mar tivesse marcado o penalti. Em termos estruturais e táticos, a equipa deu uma boa resposta, mas faltou-nos alguma clarividência no momento de sair para o ataque». 

«O golo foi fundamental ao acabar o primeiro tempo e na segunda parte a equipa soltou-se mais, estivemos forte no contra-ataque e aí o Ghilas também marcou a diferença. E o Beira Mar ao tentar chegar ao golo foi criando mais espaços, que nós aproveitamos. Ao marcarmos o segundo golo vimos um Moreirense mais dinâmico, mais vivo».

[O que mudou para o Moreirense estar agora a vencer?] «Não sei o que mudou. São os mesmos jogadores, com uma forma diferente a meio campo. É uma equipa que vive do seu coletivo e tem de ser forte taticamente. O Moreirense era uma equipa pressionante que quase não deixava respirar o adversário, mas quando este ganhava espaço, era a morte».

«Somos mais pragmáticos, mais realistas. Sabíamos que tínhamos que jogar da msma forma que da maneira. Também tivemos alguma sorte, que estava a faltar. Não sofremos de penalti e marcamos a acabar a primeira parte».

[Sobre o momento bom] «Continuamos em último e até ao final, em cada jogo vai ser uma luta titânica. Pontos, pontos, pontos é o que precisamos. A qualidade que temos não nos permite ser sonhadores».

«Era importante vencer este jogo para nos aproximarmos dos adversários mais diretos, mas olho para o calendário e não vejo jogos fáceis. Há jogadores novos que chegaram e ainda não se adaptaram bem, por exemplo o Kinkela. Temos um plantel grande... mas é grande. Ainda há muito trabalho a fazer aqui».

[Sobre a manutenção] «Os jogadores agora já acreditam que ainda está tudo nas suas mãos». 

[Sobre o Guimarães] «Não há duas sem três? Deus o ouça. O Vitória está a fazer um grande campeonato e a rapaziada de Guimarães muitas vezes não vê as dificuldades que o clube tem e quase que exigem que se ganhem os jogos todos. Somos vizinhos, há muita rivalidade. Vai ser um jogo de «pelo na venta», com agressividade de ambas as equipas».
IN "http://www.maisfutebol.iol.pt/beira-mar/moreirense-augusto-inacio-i-liga-beira-mar/1418477-1467.html"