quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

TL: Nacional-Moreirense (crónica) 1-1


O Nacional está matematicamente fora das meias-finais da Taça da Liga ao empatar em casa esta tarde com o Moreirense.

Já a equipa de Moreira de Cónegos ainda pode sonhar com a passagem em frente na competição.
O jogo teve duas partes distintas. A primeira, com muitos lances de perigo dos dois lados, e com dois golos, e a segunda foi disputada a um ritmo mais baixo e por isso acabou por ser menos interessante.

Manuel Machado prometeu e cumpriu: apresentou um onze com muitos jogadores pouco utilizados e logo no primeiro minuto podia ter visto a equipa sofrer um golo quando André Simões cabeceou com muito perigo, obrigando Rui Silva a brilhar.

A resposta alvi-negra surgiu pela cabeça de Camacho, respondendo a um bom cruzamento do jovem Witi. A bola foi travada pelo poste.

Do outro lado, a equipa de Moreira de Cónegos, que pareceu desde logo decidida a vencer o jogo, voltou a criar perigo, agora por Arsénio. Novamente, Rui Silva esteve bem entre os postes.

Mas o Nacional chegou mesmo ao golo aos 23 minutos, num lance inspirado de Witi. O jovem avançado moçambicano rematou cruzado fora de área, a bola ressaltou em Elízio e enganou André Moreira.

O Moreirense respondeu logo depois com dois remates de Alex: um que só parou na barra e outro bem defendido por Rui Silva. Do outro lado, Miguel Rodrigues cabeceou com perigo por cima, na sequência de um livre de Sequeira, mas foi a equipa de Miguel Leal a marcar.

O lance do 1-1 resultou de um mau corte da defesa do Nacional e a bola sobrou para Gerso que, oportuno, dentro de área, empurrou para o fundo das redes de Rui Silva.

Depois de uma primeira parte bem disputada, num jogo aberto, virado para o ataque, na segunda parte o ritmo de jogo baixou e só a 15 minutos do fim do jogo é que voltaram as verdadeiras oportunidades de perigo. Sequeira fez falta sobre Arsénio dentro de área, mas na conversão André Simões falhou a grande penalidade ao atirar por cima.

Já o Nacional teve uma apenas uma grande ocasião para fazer o 2-1 mas Mário Rondon - isolado na cara de André Moreira depois de um grande passe de Luís Aurélio -- falhou de forma escandalosa.

Com este resultado, o Nacional deixa de ter possibilidades de seguir em frente na competição.

in "http://www.maisfutebol.iol.pt/taca-da-liga-nacional-moreirense-cronica/54b6ae3b0cf23da0817fbd7e.html"