domingo, 14 de agosto de 2016

Pepa: «Estar por cima e sofrer foi um soco no estômago »


Declarações de Pepa, treinador do Moreirense, na sala de imprensa do Parque de Jogos Comendador Joaquim de Almeida Freitas, depois do empate na receção ao Paços de Ferreira no primeiro jogo oficial da época para os Cónegos:

«O empate sabe a pouco por várias razões. A maior parte das oportunidades que tivemos foram criadas, enquanto que as do Paços, não tirando mérito, foram mais por demérito nosso, aproveitou os nossos erros nas tomadas de decisão para sair em transição, nós poderíamos ter decidido melhor. Não nos deram nada, tivemos de ir atrás do resultado e das oportunidades. Foi um bom jogo, aberto, com qualidade das três equipas».

[Era isto que esperava?] «Esperava uma vitória; em termos de ideias de jogo e de qualidade de jogo fique muito satisfeito. Reconheço que estar por cima na primeira parte e sofrer um golo é um soco no estômago, mas temos de estar preparados. A reação foi boa, foi forte e tivemos várias oportunidades para fazer mais golos».

[Tem vantagem para a próxima jornada por conhecer a equipa do Feirense?] «Hoje em dia é fácil ter acesso à informação, só não vai ao pormenor quem não quiser. Reconheço que é uma casa que me marcou num passado recente, o conhecimento que tenho do campo e de alguns jogadores é uma vantagem, mas vale o que vale».

in "http://www.maisfutebol.iol.pt/liga/moreirense/pepa-estar-por-cima-e-sofrer-foi-um-soco-no-estomago"