quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Inácio: «Vamos tentar provar a razão de estarmos nos quatro melhores»


Augusto Inácio, treinador do Moreirense, em declarações à RTP após a passagem do Moreirense à final four da Taça da Liga, com a vitória por 1-0 sobre o FC Porto:

«Quando toda a gente perspetivava que fosse o FC Porto ou o Belenenses a seguir em frente, nós dissemos que havia outra equipa que também queria lá estar. Fomos nós com todo o mérito, com grande orgulho por estes jogadores, mesmo com as coisas que se passaram durante a semana. Ontem o Mica [André Micael] estava com gripe, hoje não sabia se havia de jogar. Mesmo com um pico de febre foi jogar, capitão de equipa. O Podence também teve uma infeção respiratória e também fez um sacrifício enorme para poder jogar. O Neto teve gripe anteontem, só ontem treinou. Foi muita coisa junta para tanto espírito de sacrifício, tanto esforço, tanta luta, perante um adversário como é o FC Porto».

«Sabemos da força do FC Porto, mas nós ganhámos por causa da raça, entreajuda, espírito de sacrifício e porque também quisemos ganhar, sempre fomos à procura do golo. Na primeira parte, o FC Porto empurra o Moreirense mais para trás. Foi mérito do FC Porto não demérito nosso. Foi uma vitória de grandes campeões que tenho no balneário e eles, mais do que ninguém merecem esta vitória».

«Nós entrámos nos quatro [final four] quando ninguém esperava. Isto é uma competição feita para os grandes disputarem os jogos entre sim, mas, de vez em quando, há surpresas e o Moreirense foi uma grande surpresa. Toda a gente vai dizer que o Moreirense não tem hipótese nenhuma, mas nós, com a nossa humildade, vamos tentar provar a razão de estarmos nos quatro melhores».

in "http://www.maisfutebol.iol.pt/taca-da-liga/moreirense/inacio-vamos-tentar-provar-a-razao-de-estarmos-nos-quatro-melhores"