terça-feira, 25 de abril de 2017

Petit: «Temos de lutar até à última gota de sangue»


Declarações de Petit, treinador do Moreirense, na sala de imprensa do Parque de Jogos Comendador Joaquim de Almeida Freitas, depois do empate sem golos na receção ao Desp. Chaves:

«Penso que a minha equipa fez o suficiente para conquistar os três pontos, tivemos situações para concretizar, não conseguimos, com o Chaves tranquilo em virtude da tabela classificativa e nós a procurar os três pontos. Pelo empenho e pela atitude penso que o resultado é injusto. Há que levantar a cabeça, dependemos de nós. Temos de lutar até à última gota de sangue, como costumo dizer. Com esta atitude vamos ficar na Liga».

[Cortaram as pernas à sua equipa com o golo anulado?] «Cortaram as pernas, é verdade. Tal como há equipas a lutar pelo título e outras a lutar pela Europa nós estamos a lutar pela permanência. Já vi as imagens, é um golo limpo. O bandeirinha vem para o meio campo, o árbitro assinala golo e é o quarto árbitro a invalidar o golo. O Galo não toca na bola, o Ivo está em linha. É um golo limpo. Muitas vezes estas decisões são decisivas para as nossas aspirações. Neste lance o árbitro esteve mal».

«Conversei com o fiscal e linha e com o árbitro. É o quarto árbitro que anula o golo. Está longe do lance e o fiscal de linha estava muito mais perto. As decisões dos árbitros estão a decidir muitas partidas, há que haver mais respeito pela instituição Moreirense».

«Vamos lutar com todas as forças. Há doze pontos, vamos já atrás da vitória em Arouca. Tenho que dar os parabéns aos jogadores pelo que fizeram dentro do campo».

in "http://www.maisfutebol.iol.pt/liga/desp-chaves/petit-temos-de-lutar-ate-a-ultima-gota-de-sangue"